Publicado em: ter, fev 16th, 2016

Incidência de microcefalia no NE já era alta antes da zika

bebe-com-microcefaliaSão Paulo – Desde 2012, bem antes do surto da zika explodir por todo Brasil, já existia um elevado número de casos de recém-nascidos com microcefalia. É o que afirma um boletim publicado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Um grupo de pesquisadores, ligados à Fundação Círculo do Coração de Pernambuco e da Secretaria de Saúde do Estado da Paraíba, vasculharam 16,2 mil fichas de bebês nascidos entre janeiro de 2012 e dezembro de 2015  na região Nordeste, onde a incidência de microcefalia em 2015 foi maior.

O resultado do levantamento surpreende.

Nos últimos três anos, cerca de 1,2 mil bebês (até 8% do total analisado) nasceram com a má-formação  – uma média de 400 registros ao ano.

Hoje, o Ministério da Saúde investiga cerca de 3,8 mil casos suspeitos da doença – destes, 462 já confirmados.

Isso revela que o surto atual já é parte da realidade do brasileiro há um bom tempo. “É possível que as autoridades competentes tenham ignorado os casos leves e só tenham notificado os extremos”, diz a publicação.

Contudo, Sandra Mattos, coordenadora da pesquisa e  presidente da Fundação Círculo do Coração, reconhece que houve um pico maior no número de casos a partir de meados de 2014.

A causa do surto pode ser explicada por alguns fatores, como as infecções virais de dengue e chikungunya, o consumo de medicamentos e vacinas no início da gestação que podem trazer danos à gravidez, a má nutrição da mãe, entre outros.

“Só podemos concluir que estamos diante de um problema de saúde novo e desafiador”, diz o texto.

No mapa abaixo, você vê as regiões mais afetadas pela doença.

Casos de microcefalia registrados até 06 de fevereiro de 2016

grafico

Fonte: http://exame.abril.com.br/brasil/noticias/incidencia-de-microcefalia-no-pais-ja-era-alta-antes-da-zika

Comente com o facebook



Mais abaixo comente sem ter conta no facebook

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags html: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Licença Creative Commons
O trabalho Segundo Sol está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-Compartilha-Igual 4.0 Internacional.
A cópia é estimulada desde que seja citada a fonte.

Este blog tem finalidades exclusivamente informativas e exprime as opiniões pessoais e subjetivas do autor.
Este blog não garante a exatidão do conteúdo fornecido nem pode ser considerado responsável por eventuais erros ou inexatidões das informações presentes no blog ou nos links externos. Este blog não é responsável pelos conteúdos inseridos por parte dos internautas na seção "Comentários".
Se em alguma publicação, direitos de autor ou de terceiros forem violados, por favor, contactar com o blog para podermos remover o conteúdo, escrever para: contato@segundo-sol.com informando o link. O conteúdo será prontamente removido.

Liberdade de Expressão
É importante esclarecer que este blog, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal ...
veja mais aqui

Print