Publicado em: ter, fev 9th, 2016

É CIENTÍFICO – Peça de arte chamada ORGONITE, auxilia na diminuição da poluição eletromagnética

Estamos rodeados de equipamentos elétricos, que por um lado, facilitam-nos muito nossa vida e também nos trazem passa-tempo e diversão.
Alguns equipamentos com radiações mais nocivas (como o telefone sem fio, celulares, roteadores wi-fi, etc) estão cada vez mais presentes em nossas vidas.
Só que tudo tem um preço, essa radiação nociva, para o ser humano e qualquer ser vivo, pode provocar patologias a longo prazo (câncer, enxaquecas crônicas, hipersensibilidade elétrica, stress, etc).

Há uma solução para diminuir este caos de poluição eletromagnética e ainda, uma maravilhosa peça de arte chamada ORGONITE.

orgonite

 

Pesquisadores da Universidade Sebelas Maret University/Indonésia, Anisya Lisdiana, Ayuni Dita Rosalia, Nur Jannah Asrilya, Rais Nur Latifah e Roro Ernia Prawithasar, publicaram um artigo científico intitulado “Utilization of Metal Lathe Waste as Material for the Absorption of Electromagnetic Radiation Based Orgonite“, na revista científica “Journal of Advances in Agricultural & Environmental”, mostrando que a ORGONITE TEM A PROPRIEDADE DE REDUZIR A POLUIÇÃO ELETROMAGNÉTICA A SUA VOLTA.
Artigo na íntegra: http://iicbe.org/upload/8261C0114141.pdf
Journal of Advances in Agricultural & Environmental Engg. (IJAAEE) Vol. 1, Issue 1(2014) ISSN 2349-1523 EISSN 2349-1531

Mas o que vem a ser ORGONITE?

O Orgone é a energia vital (qi), que harmoniza todas as formas de vida com a Mãe Terra.
Esta energia é assim chamado por Wilhelm Reich, que construiu baterias e geradores. Seus trabalhos foram, infelizmente destruída.
Este trabalho foi assumido por Don Croft, que criou os geradores pessoais que conhecemos hoje (TB, HHG, Chembuster).
A palavra Orgonite foi introduzido por Karl Welz.
E além de ter benefícios como descritos acima, ele é uma linda peça de arte para enfeitar o ambiente.

 

Alguns benefícios da ORGONITE:

  • Transmutação de energia negativa em positiva
  • Cancelamento do efeito nocivo de freqüência e radiação eletromagnética (transmissores de telefonia, equipamentos wifi, eléctricos etc)
  • Energizantes e purificação doméstico de água, rios e reservatórios (não precisa entrar em contato com a água)
  • Harmonização do lar
  • Efeitos visíveis em fotografia Kirlian,
  • Entre outros
    ——————————–

Como fazer uma ORGONITE?

Para ser orgonite precisa de 3 coisas
1-Um tipo de cristal
2-Resina para melhor acabamento (prefira a cristal poliéster transparente)
3-Metal (que auxiliará na condução dessa energia na peça)
——————————–
Equipamentos mediram bons resultados quando a base é de metal e para cima com cobre (devido ser um metal barato e de fácil acesso com bons efeitos de condutibilidade).
A proporção de resina com os itens de dentro (metal e pedras) é de 50% / 50%.
Sem querer fazer propagando, pois não estamos ganhando nada com isso, segue alguns lugares para comprar os ingredientes.

CRISTAL
Aqui vende cristal a preço de atacado: 1kg de pontas de cristal – sobras de cristalObs. Essas sobras de cristal, dá um efeito muito bonito depois de se fazer o orgonite. Acrescente se quiser outras pedras, eles também vende por atacado 1kg de pedras roladas variadas. A turmalina negra bruta, fica linda em qualquer peça que fizer, pois o preto, dá um destaque muito lindo.

Resina
Resina Poliéster Cristal

Outros itens para incrementar um orgonite
Pigmento das cores primárias: Vermelho, Azul e Amarelo
Glíter, que se compra em qualquer papelaria
Alguns símbolos/figuras de valor pessoal (como crucifixo, símbolo do infinito, etc)

Metal granulado para a base
Pode tentar comprar ou ganhar, pois em serralherias, funilarias, tornearias, acabam indo para o lixo.

Fio de cobre grosso ou médio
Pode ser comprado numa loja de material para construção/material elétrico, embora se quiser fazer bastante, há possibilidade de comprar um rolo de vários metros, pois sai mais barato, por exemplo, a medida 12 dessa publicação que vem mais ou menos 33 metros e já desencapado.

Algumas recomendações

  • Por segurança, é bom usar luvas e óculos (pois enquanto tiver manuseando o material é muito tóxico) caso entre em contato com a pele.
  • E também solta um cheiro super forte e por isso é bom usar máscara (pode ser esta de pintor ou de passar veneno – que é bem baratinha).
  • Aconselho ver alguns vídeos de pessoas fazendo, pois você vai ter uma ideia, que quando colocar o “catalizador” (que já vem com a resina), terá alguns minutos antes do material começar a endurecer para fazer a arte.
  • Procure formas que goste de fazer (dê preferência para formas de vidro)

 

Exemplo de vídeos compartilhados no youtube

 

Se forem fazer, bons experimentos e compartilhe conosco a foto de suas peças.

Caso não queira fazer, é só pesquisar que há vários sites que vendem.

Comente com o facebook



Mais abaixo comente sem ter conta no facebook

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags html: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Licença Creative Commons
O trabalho Segundo Sol está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-Compartilha-Igual 4.0 Internacional.
A cópia é estimulada desde que seja citada a fonte.

Este blog tem finalidades exclusivamente informativas e exprime as opiniões pessoais e subjetivas do autor.
Este blog não garante a exatidão do conteúdo fornecido nem pode ser considerado responsável por eventuais erros ou inexatidões das informações presentes no blog ou nos links externos. Este blog não é responsável pelos conteúdos inseridos por parte dos internautas na seção "Comentários".
Se em alguma publicação, direitos de autor ou de terceiros forem violados, por favor, contactar com o blog para podermos remover o conteúdo, escrever para: contato@segundo-sol.com informando o link. O conteúdo será prontamente removido.

Liberdade de Expressão
É importante esclarecer que este blog, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal ...
veja mais aqui

Print