Publicações atualizadas em nossa página do FACEBOOK




Publicações do nosso blog

sexta-feira, 25 de julho de 2014

Mais de 400 mil pessoas são afetadas por tufão na China

size_590_matmo-china

Pequim - A passagem do ciclone Matmo pela China, que vem causando fortes chuvas pelo terceiro dia consecutivo, deixou um morto e afetou mais de 400 mil pessoas no país asiático, que ainda se recupera dos efeitos de outro tufão, o Rammasun, que castigou a região sul na semana passada e deixou 62 mortos e 21 desaparecidos.

A agência oficial "Xinhua" informou nesta sexta-feira que o Matmo fez com que 155 mil pessoas tivessem que deixar suas casas nas províncias de Zhejiang, Fujian e Jiangxi, situadas no litoral leste do país, desde que o tufão tocou o solo chinês na última quarta-feira.


O número de pessoas afetadas pelo ciclone está em torno de 403 mil, com cerca de 700 imóveis destruídos e perdas econômicas que chegam aos 360 milhões de iuanes (US$ 60 milhões).


O tufão, o décimo que chega à China neste ano, se desloca rumo ao norte e deve chegar hoje à província de Shandong, no leste do país, um popular destino turístico dos chineses nessa época do ano e onde foi emitido um alerta de nível amarelo pelos fortes ventos e chuvas.


O tufão Matmo alcançou à China poucos dias depois de passar por Taiwan, onde causou 48 mortes e deixou um desaparecido depois que um avião da TransAsia Airways caiu nas ilhas de Penghu por causa de um forte temporal.


A China ainda se recupera da passagem do tufão Rammasun, que deixou 62 mortos e 21 desaparecidos nas províncias de Hainan, Cantão e na região autônoma de Guangxi, no sul do país.


Fonte: http://exame.abril.com.br/mundo/noticias/mais-de-400-mil-pessoas-sao-afetadas-por-tufao-na-china


EmoticonEmoticon