Publicações atualizadas em nossa página do FACEBOOK




Publicações do nosso blog

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Estudo sugere que água engarrafada contém mais de 24 mil substâncias químicas


Várias empresas deixaram de usar o BPA na produção de plástico, devido à indignação do consumidor, mas apenas porque um recipiente de plástico diz que é " livre de BPA ", não significa que é livre de produtos químicos potencialmente nocivos. De fato, uma pesquisa recente da Alemanha indica que existem mais de 24.000 desses produtos químicos em qualquer garrafa de água, com alguns deles causando sérios efeitos de desregulação hormonal.

Pesquisadores da Goethe University Frankfurt testaram 18 diferentes produtos de água engarrafada em um esforço para procurar desreguladores endócrinos, ou EDCs. Eles encontraram muito mais do que o esperado, identificando 24.520 substâncias químicas diferentes em seus testes. Após isolar os produtos químicos e determinar o seu impacto sobre o corpo, os investigadores reduziram aqueles com propriedades anti-estrogênicas para um: DEHF ou di(2 -etil-hexil)fumarato . Esse achado foi de grande preocupação.

Dos 18 produtos diferentes de água engarrafada, 13 apresentaram atividade anti-estrogênica "significativa" , e 16 dos 18 inibiram receptores androgênicos do corpo em 90%. Em outras palavras, a água engarrafada foi em grande parte devastadora sobre o corpo humano .

Além do DEHF, no entanto, os pesquisadores determinaram que há alguns desreguladores endócrinos ainda não identificados em funcionamento. Alguma outra coisa está causando efeitos anti-androgênicos.

"Nós confirmamos a identidade e a atividade biológica do DEHF e isômeros adicionais de fumarato dioctyl e maleato utilizando padrões autênticos", relataram os pesquisadores no jornal online PLoS ONE. "Pelo DEHF ser anti-estrogênico mas não anti-androgênico, concluímos que desreguladores endócrinos ainda não-identificados adicionais devem contribuir para o efeito antagônico de água engarrafada."

A interrupção hormonal tem o potencial de causar efeitos graves sobre a vida humana, desde a maturação precoce em crianças, ao aumento dos riscos de certos tipos de cânceres. Os resultados deste estudo recente, portanto, são sérios.

Os pesquisadores concluíram:
"Além disso, a atividade antagonista foi muito potente. Um equivalente a 3,75 ml de água engarrafada inibiu receptores de estrogênio e de androgênio em até 60 e 90 por cento. Descobrimos que garrafas de água de seis países diferentes contém produtos químicos estrogênicos, antiestrogênicos, bem como progestagênicos e semelhantes a glicocorticóides. Isso demonstra que uma bebida popular está contaminada com diversos desreguladores endócrinos".

Fonte: Natural Society


EmoticonEmoticon