Publicado em: sáb, nov 9th, 2013

Tufão teria matado mais de 1200 pessoas nas Filipinas, segundo Cruz Vermelha

MANILA – O super-tufão Haiyan que atingiu as Filipinas na sexta-feira matou cerca de 1.200 pessoas, segundo a Cruz Vermelha no país. O governo, por enquanto, contabilizou apenas 100 vítimas, mas reconheceu a dificuldade de determinar o número preciso de mortes devido aos problemas de comunicação provocados pela tempestade.

– Estimamos que 1 mil pessoas foram mortas em Tacloban e 200 na província de Samar – afirmou à CNN Gwendolyn Pang, secretária-geral da Cruz Vermelha filipina, informando que números mais precisos seriam divulgados neste domingo.

De acordo com John Andrews, vice-diretor-geral da Autoridade de Aviação Civil do país, após sobrevoo sobre a cidade de Tacloban, uma das mais atingidas pela tempestade, pelo menos 100 corpos foram avistados nas ruas.

Autoridades disseram que a maioria das casas em Tacloban , uma cidade de cerca de 220 mil pessoas na ilha Leyte, foi destruída com a enchente e os ventos fortes. Redes de telefonia e linhas de energia foram cortadas e as estradas, bloqueadas. A comunicação com a capital Manila é intermitente.

Equipes de socorro estão com dificuldade para chegar a Tacloban já que o aeroporto local foi comprometido, embora voos militares ainda operem.

O tufão Haiyan, o mais forte em duas décadas nas Filipinas, atingiu as ilhas centrais do país na sexta-feira, obrigando a retirada de 720 mil pessoas de suas casas. Haiyan registrou ventos de 315 quilômetros por hora, e previsões apontam como a tempestade mais violenta já registrada na História. O tufão de categoria cinco provocou ondas gigantes de 4 a 5 metros de altura que atingiram principalmente as ilhas de Leyte e Samar.

O arquipélago é atingido por cerca de 20 tempestades tropicais ao ano, em sua maioria violentas e destruidoras. Haiyan é a 24ª tempestade que atinge as Filipinas este ano.


Notícia compartilhada no site: www.segundo-sol.com

Comente com o facebook



Mais abaixo comente sem ter conta no facebook

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags html: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Licença Creative Commons
O trabalho Segundo Sol está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-Compartilha-Igual 4.0 Internacional.
A cópia é estimulada desde que seja citada a fonte.

Este blog tem finalidades exclusivamente informativas e exprime as opiniões pessoais e subjetivas do autor.
Este blog não garante a exatidão do conteúdo fornecido nem pode ser considerado responsável por eventuais erros ou inexatidões das informações presentes no blog ou nos links externos. Este blog não é responsável pelos conteúdos inseridos por parte dos internautas na seção "Comentários".
Se em alguma publicação, direitos de autor ou de terceiros forem violados, por favor, contactar com o blog para podermos remover o conteúdo, escrever para: contato@segundo-sol.com informando o link. O conteúdo será prontamente removido.

Liberdade de Expressão
É importante esclarecer que este blog, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal ...
veja mais aqui

Print