Publicado em: dom, out 20th, 2013

Cometa Ison resiste no caminho de se tornar um fenômeno

É uma das grandes questões de momento para os astrónomos: vai o cometa Ison resistir na aproximação ao Sol e transformar-se no cometa do século? Para já está a contrariar todas as projeções mais pessimistas. Se não desintegrar-se, passará próximo da Terra a 26 de dezembro.
Na mais recente imagem captada pelo telescópio Hubble, o cometa Ison – descoberto em 21 de setembro de 2012 pelos astrónomos russos Vitali Nevski e Artyom Novichonok – continua a sua rota de aproximação ao Sol, mas, segundo alguns cientistas, nesta altura já poderia estar a desintegrar-se. Porém, tal não está a acontecer, pois, segundo explicam os especialistas, seria possível ver nas imagens do Hubble fragmentos do cometa e o que ficou comprovado é que o núcleo gelado continua intacto.

Nesta última imagem, o cometa Ison estava na órbita de Marte, a cerca de 284 quilómetros da Terra. Aos astrónomos resta esperar para ver. A expectativa é que o Ison tenha a sua aproximação máxima do Sol a 28 de novembro, ficando a 1100 milhões de quilómetros da estrela, deslocando-se a 425 quilómetros/hora. Este será o momento mais importante da viagem do Ison. Se resistir à passagem pelo Sol, o cometa ficará extremamente brilhante. Há mesmo que sugira que o brilho poderá ser mais intenso do que o da Lua, sendo possível ver o cometa à luz do dia.

Se se confirmar esta melhor expectativa, então o Ison poderá mesmo tornar-se no cometa do século, sendo um fenómeno único, ofuscando qualquer outro cometa. Se sobreviver ao Sol há que esperar pelo dia 26 de dezembro para vê-lo passar mais próximo da Terra, a cerca de 64 milhões de quilómetros.


Notícia compartilhada no site: www.segundo-sol.com

Comente com o facebook



Mais abaixo comente sem ter conta no facebook

Deixe um comentário

XHTML: Você pode usar estas tags html: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Licença Creative Commons
O trabalho Segundo Sol está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-Compartilha-Igual 4.0 Internacional.
A cópia é estimulada desde que seja citada a fonte.

Este blog tem finalidades exclusivamente informativas e exprime as opiniões pessoais e subjetivas do autor.
Este blog não garante a exatidão do conteúdo fornecido nem pode ser considerado responsável por eventuais erros ou inexatidões das informações presentes no blog ou nos links externos. Este blog não é responsável pelos conteúdos inseridos por parte dos internautas na seção "Comentários".
Se em alguma publicação, direitos de autor ou de terceiros forem violados, por favor, contactar com o blog para podermos remover o conteúdo, escrever para: contato@segundo-sol.com informando o link. O conteúdo será prontamente removido.

Liberdade de Expressão
É importante esclarecer que este blog, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal ...
veja mais aqui

Print