Publicações atualizadas em nossa página do FACEBOOK




Publicações do nosso blog

sábado, 26 de janeiro de 2013

Milhares de peixes são mortos e boiam em açude no interior da Bahia

Mais de 40 toneladas foram retiradas do açude Itarandi, informou secretário.
Caso ocorre em Conceição do Coité. Prefeitura vai pedir apoio ao governo.

Milhares de peixes foram mortos no açude Itarandi, na cidade de Conceição do Coité, na região noroeste da Bahia. De acordo com os moradores da cidade, os peixes são das espécies tilápias e traíras. Eles teriam começado a boiar na água depois das chuvas da semana passada.

O secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Urbano Carvalho, que assumiu a administração da pasta no mês de janeiro, acompanhou o trabalho da limpeza da água neste sábado (26) e relatou que mais de 40 toneladas de peixes foram retiradas e já encaminhadas para o aterro sanitário da cidade, com ajuda de caçambas e retroescavadeiras. Parte do cardume, já apodrecido, desceu para o fundo açude.

Amostras de peixe e da água foram coletadas e enviadas para o laboratório. O secretário afirma que os técnicos apontam que uma possível causa é a quantidade de bactéria que pode ter sido gerada com a incidência da chuva nos últimos dias. O açude funciona como esgotamento há 40 anos, acrescentou.

"Foi em virtude da água que estava parada com bastante matéria orgânica originada do esgoto da cidade. Quando a chuva bateu, proliferou milhões e milhões de bactérias, acabando o oxigênio da água e levando os peixes à morte", explicou o gestor, com base nas explicações dos técnicos.

O secretário Urbano Cardoso garantiu que vai enviar um relatório ao Governo da Bahia pedindo ajuda imediata para o caso. Ele disse que não há indústrias que produzam toxinas no entorno do açude e que o forte do local não é a atividade de pesca. "Foi todo mundo pego de surpresa. Tem algumas pessoas que pescavam, mas o maior atividade [da região] é hortaliça", relatou.

via: http://g1.globo.com/bahia/noticia/2013/01/milhares-de-peixes-sao-mortos-e-boiam-em-acude-no-interior-da-bahia.html


EmoticonEmoticon